Blog Notícias em Destaque

Notícias/Política

Bastidores da política: A disputa pela Prefeitura de Petrolina-PE em 2024

A disputa pela Prefeitura de Petrolina-PE em 2024 tem tudo para entrar na história como a maior de todos os tempos

Bastidores da política: A disputa pela Prefeitura de Petrolina-PE em 2024
Foto: Divulgação/Deivid Menezes
IMPRIMIR
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

Embora as eleições deste ano tenham ocorrido há poucos dias, os nomes de prováveis candidatos a prefeito de Petrolina-PE em 2024 já estão sendo ventilados a todo vapor.

Os deputados federais Gonzaga Patriota (não reeleito) e Lucas Ramos (eleito), ex-deputado estadual e ex-prefeito, Odacy Amorim, ex-vereador Gabriel Menezes, outros dois ex-prefeitos, Guilherme Coelho e Julio Lossio ou seu filho Julinho, candidato a prefeito em 2020, e o atual prefeito Simão Durando, são os políticos que devem concorrer ao cargo, conforme vem sendo comentado nos bastidores da política local, e segundo foi dito por alguns deles. Outros nomes também devem surgir para entrar na disputa.

Na última segunda-feira (12) uma cena chamou bastante a atenção dos petrolinenses: Odacy marcou presença em um evento solene, repleto de homenagens à Fernando Bezerra Coelho, ex-prefeito de Petrolina-PE, e senador até o dia 31 de dezembro de 2022.

O fato atraiu os olhares de diversas pessoas devido à Odacy ser adversário político de Fernando, embora já tenha sido seu vice, depois tornando-se prefeito.

O senador aproveitou a oportunidade e fez questão de agradecer a Odacy por ter comparecido na cerimônia.

“Quero agradecer a presença especialíssima do meu vice prefeito e prefeito Odacy Amorim”, agradeceu o senador Fernando Bezerra.

Odacy foi questionado sobre a sua presença no evento, e falou que mesmo eles sendo adversários na política, isso não impede de manterem o bom diálogo.

"Independente das posições políticas, eu vim prestigiar o senador. Vocês sabem da minha história com Fernando Bezerra, o mundo da política tem de tudo, todo mundo tem virtudes e a capacidade de entender esse momento, militamos em campos políticos separados, mas, isso não impede de podermos dialogar e reconhecer o seu papel na história da política. Vim abraçar Fernando”, disse Odacy.

Mesmo Odacy desconversando sobre uma possível aliança com os Coelhos em 2024, será que ele pode de repente desbancar Simão Durando e assumir a cabeça da chapa, ou talvez ser o vice?

Vale ressaltar que no segundo turno das eleições para governador de Pernambuco, além do Grupo FBC, Guilherme e Gonzaga, Odacy e sua esposa Dulce também apoiaram Raquel Lyra. Em meio à tudo isso uma coisa é certa, se tratando de política tudo pode acontecer, inclusive nada. Vamos aguardar.

Siga nossas redes sociais:

WhatsApp, Facebook e Instagram

Comentários:

Veja também

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!
http://api.clevernt.com/46be3a13-3444-11ed-a592-cabfa2a5a2de